terça-feira, 10 de setembro de 2013

A conversa dos outros - parte 2

Agora estou novamente em uma fila, essa é mais honesta porque não promete ser rápida e na verdade não é mesmo. Preciso tirar o meu cartão BOM  já que não tenho carro e vou pra lá e pra cá de transporte coletivo. Mais do mesmo: porta giratória ( entrei com celular, chaves, óculos, moedas e a porta não travou, medo), informações, fila enorme, vídeo falando das maravilhas do cartão, tédio, dor nas costas, nas pernas, nos joelhos, mais tédio, quando de repente dois homens atrás de mim começam:

".. . que demora hein? mas também o pessoal vai almoçar na hora do almoço de todo mundo? ah, não dá tem que ter mais gente para atender.
 Eu acho que eu não preciso ficar nessa fila, eu já fiz meu cadastro só vim buscar mas o moço ali falou para eu ficar na fila. Não parece mas eu já tenho mais de 65 anos. Não parece mesmo. Nossa eu tenho direito a tanta coisa que não pego, a cesta básica de São Caetano, minha mulher descobriu que eu tenho direito.
 Ih, mas aquela cesta básica de lá é tão fraquinha.
 É fraquinha para gente que tem fartura mas para quem tá passando fome, isso é um banquete.
 Isso é verdade.
Eu vou direto para o nordeste, e sempre levo ajuda, levo roupas que não uso, levo comida, nossa quando entrego para as pessoas de lá, eles dão aquele sorriso que dá a volta na cara de tão felizes que ficam. O povo fala mal do Lula porque dá esse bolsa família mas é que não conhecem a realidade, vai lá para o nordeste ver a vida que eles levam, é uma tristeza sem fim, esse pouquinho de dinheiro faz uma baita diferença para eles. O povo fala mal porque aqui a gente tem fartura de tudo, fala mal quem não conhece a miséria, quem nunca passou fome. Porque quando você passa fome,qualquer ajuda que você recebe por menor que seja é ouro.
Moça eu preciso ficar nessa fila? eu já fiz o cadastro, só vim buscar.
O senhor tem mais de 65 anos?
Tenho sim.
Não, o senhor pode esperar ali na cadeira que nós chamamos pelo nome.
Não falei que eu não precisa ficar na fila?"





Nenhum comentário: